19/11/2021 07:53:00

Projeto de lei de Paulo Araújo quer garantir atendimento prioritário para diabéticos em Mato Grosso

Proposta pretende atingir toda rede pública e privada de saúde

Projeto de lei de Paulo Araújo quer garantir atendimento prioritário para diabéticos em Mato Grosso - Notícias - Mato Grosso digital
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
O Projeto de Lei n° 999/21, apresentado na última quarta-feira (10), na Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), garante atendimento prioritário ao diabético na rede pública e privada de saúde, do estado de Mato Grosso, durante a realização de exames que necessitem de jejum total. 
 
Pela propositura, apresentada pelo deputado estadual Paulo Araújo (Progressistas), os hospitais públicos e particulares, clínicas e postos de saúde, devem oferecer atendimento diferenciado aos portadores de diabetes mellitus, no que diz respeito aos horários de exames que venham a ser feitos em jejum total, garantindo prioridade a esses pacientes.
 
Paulo Araújo explicou que a prioridade na fila de atendimento se dará concomitante com os pacientes gestantes, idosos e pessoas com deficiência.
 
“Na maioria das vezes, o diabético, ao fazer os exames em jejum, está em média doze horas sem ingerir nenhum tipo de alimento e, com isto, os níveis de insulina e a taxa glicêmica poderá estar baixa. De acordo com a necessidade, o corpo exigirá alimentação e quanto mais tempo o diabético demorar a ser atendido, mais o corpo sentirá os prejuízos do jejum prolongado, como mal-estar e taquicardia”, defendeu Araújo.
 
De acordo com o Painel Indicador do Sistema Único de Saúde, o diabetes mellitus representa hoje uma epidemia mundial, sendo que o Brasil o Ministério da Saúde estima que existam 12,5 milhões de diabéticos e muitos deles sem diagnóstico. 
 
“Se aprovada, a lei vai dar a esses pacientes que estão em condições especiais à garantia de agilidade no atendimento, já que a realidade nacional mostra que o diabetes é a quinta causa de internação hospitalar, principal causa de amputação e de cegueira adquirida e responsável por 25% das internações em UTIs”, concluiu Paulo.
 
 
 
NAJYLLA NUNES / Gabinete do deputado Paulo Araújo
 
 
 
 
 

 

Comentários (0)

Escrever comentário

...enviando

Atenção! Preencha todos os campos marcados com *

Obrigado! Seu comentário foi enviada com sucesso.

Leia também

Ver todos os notícias


Cuiabá

. Umidade do ar:

07 Dec 2021

27ºC / 19ºC

08 Dec 2021

27ºC / 19ºC