13/10/2021 07:39:00

Produção da Great Wall em Iracemápolis começará em 2023

Importação começa antes. Empresa já retirou a identidade visual da fábrica que remetia aos tempos de Mercedes-Benz

Produção da Great Wall em Iracemápolis começará em 2023 - Notícias - Mato Grosso digital
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
A Great Wall programou para o primeiro trimestre de 2023 o início da produção de veículos na fábrica de Iracemápolis (SP), recém-comprada da Mercedes-Benz. A operação comercial, que começa por meio de oferta de modelos importados, tem início marcado para ocorrer um pouco antes, no segundo semestre do ano que vem.
 
“A produção acontecerá em algum momento no primeiro trimestre de 2023, com a fábrica já realizando testes nas linhas antes disso”, disse Anderson Suzuki, diretor de planejamento de produto. “Mas os testes de homologação, a fase de ramp-up [pré-produção], começam no ano que vem.”
 
Por ora a montadora vai aos poucos adequando a fábrica, ainda que em pequenas ações – já foram retiradas da unidade todas as referências à Mercedes-Benz em placas de identificação espalhadas pela fábrica. Modificações mais significativas são esperadas a partir do fim do processo de due diligence, ainda em curso.
 
Enquanto isso alguns executivos da montadora já realizam compromissos na região. Na semana passada, o gerente de projetos, Ives Lan, e o diretor de recursos humanos, Kevin Sui, visitaram o Senai de Iracemápolis, onde alunos são formados na área técnica para atuarem em empresas da região.
 
 
 
Pedro Betancourt, à esquerda, Ives Lan e Kevin Sui, em visita ao Senai de Iracemápolis
 
 
 
No início de setembro, Pedro Betancourt, diretor de relações externas e governamentais, participou de reunião com membros da prefeitura para falar sobre os investimentos na unidade e, também, sobre a projeção de capacidade instalada da fábrica, cerca de 100 mil veículos/ano.
 
A Great Wall afirma que a nova fábrica vai gerar 2 mil empregos locais, o que representaria quase 10% da população do município. O grupo chinês chega ao município contemplado pelo pacote de incentivos fiscais que a M-B dispunha com validade para 20 anos.
 
O investimento de R$ 4 bilhões e a criação de 2 mil empregos credenciam a montadora a ser contemplada pelo IncentivAuto, programa estadual de fomento ao setor automotivo criado em 2019. De acordo com a lei, serão concedidos descontos de ICMS para novos projetos de veículos a serem feitos no Estado, que começam em 2,7% para investimentos mínimos de R$ 1 bilhão com a criação de pelo menos 400 empregos.
 
 
 
 
 

 

Comentários (0)

Escrever comentário

...enviando

Atenção! Preencha todos os campos marcados com *

Obrigado! Seu comentário foi enviada com sucesso.

Leia também

Ver todos os notícias


Cuiabá

. Umidade do ar:

18 Oct 2021

27ºC / 19ºC

19 Oct 2021

27ºC / 19ºC